terça-feira, 17 de dezembro de 2019

O cinema na Escola e na Biblioteca Escolar








 https://drive.google.com/open?id=1jILVi-ILlrl0I6d-ayLBcwnbNfMW7dWW
ūüďÄFa√ßa duplo clique para aceder ao dossier preparado pela RBE




Dever√≠amos estudar cinema nas escolas como estudamos filosofia, ci√™ncias humanas e artes. N√£o me refiro ao estudo t√©cnico, com o intuito de formar diretores, roteiristas, fot√≥grafos ou produtores. Ensinar a criar um argumento, fazer um story-board, redigir e decupar um roteiro, conhecer os variados movimentos de c√Ęmera e orientar os atores s√£o compet√™ncias que devem ser ensinadas em faculdades, cursos t√©cnicos e livres especializados na √°rea.

Me refiro ao estudo te√≥rico e intelectual. Me refiro ao entendimento do cinema como uma disciplina de entremeio, isto √©, uma disciplina que engloba mais de uma √°rea. Cinema √© arte, comunica√ß√£o e tecnologia ao mesmo tempo. Para o fil√≥sofo argentino, professor da Universidade de Bras√≠lia, Julio Cabrera cinema √© filosofia. Para ele, cinema e filosofia deveriam ser estudados por todas as pessoas por se tratarem de importantes formas de se fazer pensar. Cabrera vai al√©m. Ele diz que o cinema faz pensar afetivamente. (…)


Marques, S. (2015). Deveríamos estudar cinema nas escolas. OBVIOUS. Consultado em 16 novembro 2019, from http://goo.gl/bfTQHx




Sem coment√°rios: