quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

A felicidade exige desassossego



Palavra de autor : #Afonso Cruz  






A ideia com que Tolstoi inicia Anna Karenina (de que todas as famílias felizes se parecem e as infelizes são infelizes cada uma à sua maneira) tem sido um dos grandes motores da literatura que lhe sucedeu. Afonso Cruz pega nela, disseca-a, multiplica-a e questiona: O que é uma família feliz? No seu último livro, vai da Mealhada à Cochinchina, do desejo de perfeição às muitas variáveis da imperfeição, tentando acercar-se da felicidade “como textura”, para concluir que é possível ser feliz até quando se sofre.

Em Palavra de Autor, Afonso Cruz conversa com Cristina Margato e lê passagens de Princípio de Karenina.





Autor: Afonso Cruz
Editor: Companhia das Letras
Data de lançamento: 06/11/2018 
ISBN : 9789896656928 
Nº Páginas : 168






EURead | Campanha pela leitura






Por que a leitura é relevante para a Europa?


A leitura e a literacia são vitais para todos os cidadãos da Europa. A capacidade de ler é um pré-requisito para a educação, desenvolvimento pessoal, integração, participação na sociedade e crescimento económico na atual sociedade culturalmente diversificada e liderada pelos media. Além disso, a leitura treina todos para compreender factos e circunstâncias complexas, o que é essencial na formação do comportamento democrático. Para enfrentar esse desafio, a EURead, a rede europeia de agências de leitura e literacia, e seus membros em todos os principais estados membros europeus, desenvolveram programas e campanhas para elevar o perfil da leitura e da literacia.






segunda-feira, 14 de janeiro de 2019

Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores



DigCompEdu


"O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores responde à consciencialização crescente entre muitos estados membros europeus que os educadores precisam de um conjunto de competências digitais específicas para a sua profissão de modo a serem capazes de aproveitar o potencial das tecnologias digitais para melhorar e inovar a educação." (DigCompEdu, p.8). 








Este documento apresenta um Quadro para o desenvolvimento da competência digital dos educadores na Europa. Pretende ajudar os estados membros a promover a competência digital dos seus cidadãos e impulsionar a inovação na educação. O Quadro destina-se a apoiar os esforços nacionais, regionais e locais na promoção da competência digital dos educadores, ao oferecer um enquadramento comum de referência, com uma linguagem e lógica comuns. 

A investigação do Joint Research Centre (JRC) sobre Learning and Skills for the Digital Era teve início em 2005 com o objetivo de fornecer apoio político com base em evidências à Comissão Europeia e aos estados membros para aproveitar o potencial das tecnologias digitais para inovar práticas de educação e formação, melhorar o acesso à aprendizagem ao longo da vida e lidar com o aparecimento de novas competências (digitais) necessárias para o emprego, desenvolvimento pessoal e inclusão social. Foram realizados mais de 20 grandes estudos sobre essas questões, dos quais resultaram mais de 120 publicações diferentes. 

Trabalho recente sobre o reforço da capacitação para a transformação digital da educação e da aprendizagem, e para a mudança de requisitos relativos às competências, focou-se no desenvolvimento dos Quadros de Competência Digital para Cidadãos (DigComp), para Organizações Educativas (DigCompOrg) e Consumidores (DigCompConsumers). Em 2016, também foi publicado um Quadro para a abertura das Instituições de Ensino Superior (OpenEdu), juntamente com um Quadro de Competência Digital para o Empreendedorismo (EntreComp). Alguns destes quadros são acompanhados por instrumentos de (auto)avaliação. Foram realizados estudos adicionais sobre Learning Analytics, MOOCs (MOOCKnowledge, MOOCs4inclusion), Pensamento computacional (Computhink) e políticas para a integração e uso inovador de tecnologias digitais na educação (DigEduPol). Também está em curso um estudo sobre blockchain para a educação. 
Prefácio, p. 7


Informação adicional sobre estes estudos pode ser encontrada na página do centro científico do JRC: https://ec.europa.eu/jrc/en/research-topic/learning-and-skills.
 
Yves Punie 
Chefe adjunto de unidade 
Unidade da DG JRC Capital Humano e Emprego 
Comissão Europeia




MILD | Manual de instruções para a literacia digital




        




sábado, 12 de janeiro de 2019

Celebrar Sophia



Centenário do nascimento  (1919-2004)



Sophia de Mello Breyner Andresen 



"Pertenço à raça dos que percorrem o labirinto/sem nunca perderem o fio de linho da palavra”, escreveu Sophia no poema Creta. E é a sua palavra que é amplamente celebrada cem anos depois do nascimento desta poeta maior, a 6 de novembro de 1919, através de uma vasta programação que tem início já neste segundo sábado de janeiro. Mas se a palavra está obviamente presente numa comemoração que se estende além-Portugal, as várias inciativas deste centenário contemplam outras artes presentes na ampla esfera de afetos e influências de Sophia, como a dança, a música, as artes plásticas, o cinema, o teatro.




A Biblioteca da Camilo apoia os ODS's



#Lib4Dev
#DA21
#GlobalGoals







ODS's: Agenda IFLA 2019



Objetivos selecionados pela IFLA - International Federation of Library Associations and Institutions para este ano de 2019: 
- ODS4: Educação de qualidade;
- ODS8: Trabalho digno e crescimento económico;
- ODS10: Reduzir as desigualdades;
- ODS16: Paz, justiça e instituições eficazes